Site de notícias vinculado ao Sindicato Rural de Guarapuava

Grupo Pitangueiras

Sexta-feira, 16 de outubro de 2020

Sindicato Rural de Guarapuava completa 53 anos com foco na defesa do produtor rural

Além de representar o setor rural da região, a entidade também realiza cursos em parceria com o SENAR-PR, promove, sedia e/ou apoia eventos do agro

 

O Sindicato Rural de Guarapuava completa neste domingo, dia 18 de outubro, 53 anos de fundação. A entidade foi criada em 1967 por um grupo de produtores rurais liderados pelo agropecuarista Ruy Virmond Marques (in memoriam). O objetivo era defender e lutar pelos direitos dos produtores rurais. Ao longo do tempo, o sindicato concretizou os ideais de seus pioneiros, possuindo hoje cerca de 800 sócios ativos e atuando nos municípios de Guarapuava, Candói, Cantagalo e Foz do Jordão. 

Em entrevista, o atual presidente da entidade, o agrônomo e agropecuarista Rodolpho Luiz Werneck Botelho, destacou alguns dos serviços voltados aos produtores: “Fazemos toda a parte de documentação para produtores rurais, como declaração dedo Imposto Territorial Rural (ITR), Cadastro do INCRA (CCIR); Guia de Trânsito Animal (GTA), em parceria com a ADAPAR; Cadastro Ambiental Rural (CAR), em parceria com escritórios, e a folha de pagamento para funcionários das fazendas. Também temos nossa assessoria jurídica para os associados e assessoria ambiental, como o apoio de nossa Federação, a FAEP”. 

Botelho recordou ainda outro papel importante que o sindicato assumiu no decorrer dos anos: “Nosso foco principal é levar informação técnica de qualidade aos produtores, por meio de palestras, seminários, dias de campo e também através da Revista do Produtor Rural, que já existe há 13 anos, consolidada como o principal meio de comunicação do setor agropecuário da região. Vale ressaltar também o nosso convênio com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), que faz com que possamos ofertar centenas de cursos para produtores e trabalhadores rurais da região. Somos o sindicato rural que mais realiza cursos do SENAR-PR no estado, nos últimos anos”. 

Outras iniciativas também são realizadas em prol dos associados, como acrescentou o presidente da entidade: “Temos ainda ações que estão beneficiando centenas de associados, como a ação coletiva do Funrural, retorno de ICMS de exportação e Salário Educação. E recentemente, apoiamos o retorno da Patrulha Rural do 16º BPM, que vem trazendo mais segurança ao homem do campo”.  

Botelho avalia que o principal benefício para os associados é estar atualizado: “O principal diferencial é o acesso a informações relevantes para o seu dia a dia. Tanto informações sobre clima e mercado, como legislações trabalhista, tributária, documental e ambiental. Isso faz com que o associado tome decisões mais assertivas e tenha seus documentos/tributos regularizados e sempre em ordem”. 

Se referindo ao atual momento de pandemia, o presidente do sindicato observa que o setor rural é essencial, já que produz alimentos e uma série de matérias primas, e por isso precisa prosseguir com suas atividades: “O agro não pode parar. Portanto, continuamos o nosso trabalho, seguindo as medidas de segurança da Saúde, respeitando os decretos municipais, orientando e distribuindo máscaras para os sócios”. Conforme pontuou, alguns dos cursos do SENAR-PR retornaram em outubro, mas a entidade ainda aguarda que seja possível recomeçar também outras atividades: “Estamos aguardando a liberação para palestras técnicas e outros eventos”. 

Enquanto isso, ele analisa que, até este instante, os produtores, de maneira geral, vêm sendo menos impactados pela crise: “A classe rural não foi tão atingida pela pandemia, no que diz respeito ao aspecto financeiro, comparada com outros setores. Tivemos uma ótima safra e o alimento não pode faltar na mesa da população. Mas é claro que a crise econômica preocupa inclusive o setor rural”. 

Botelho finaliza chamando os produtores, associados ou não, a conhecer melhor a entidade. “Gostaria de convidar todos os associados a participarem da nossa entidade e também aqueles produtores rurais que ainda não conhecem o Sindicato Rural, estão convidados e serão muito bem-vindos. Somos nós que defendemos o produtor nas esferas local, estadual e nacional, por meio das comissões técnicas da nossa entidade, da Federação da Agricultura do Paraná (FAEP) e da Confederação Nacional da Agricultura (CNA). Muitas legislações que iriam prejudicar enormemente o produtor foram evitadas ou alteradas devido ao trabalho que começa no Sindicato Rural. Precisamos que haja mais união, apoio e parceria”, concluiu. 

 

Sindicato Rural – Serviços em 2019

1150 declarações de ITR

330 Certidões de Cadastro de Imóvel Rural 

476 Certidões negativas do IAP

147 Guias de Transporte Animal 

198 cursos em parceria com o SENAR-PR

1.700 pessoas participaram dos cursos do SENAR-PR

60 associados fazem a folha de pagamento de seus funcionários na entidade

 

 

 

 

 

Comentários

Todos os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Você pode denunciar algo que viole os termos de uso.


Grupo Pitangueiras